Castas

No Algarve existem quatro Denominações de Origem (Lagoa, Lagos, Portimão e Tavira), ainda que a maior parte do vinho seja vendido sob a designação de Indicação Geográfica.

Para além das castas tradicionais, principalmente as tintas Castelão e Negra Mole e as brancas Arinto e Síria, nos últimos tempos têm obtido grande sucesso as variedades da Touriga Nacional e principalmente a Syrah, uma casta de renome internacional, que se adaptou muito bem às condições climáticas particulares do Algarve.

Os novos projectos, todos em vinha ao alto, apostam na tinta Aragonez, na Touriga Nacional e na branca Verdelho, juntamente às castas internacionais mais prestigiadas como Chardonnay e, a já referenciada, Syrah.

 

 

Castas aptas à produção de vinhos de Denominação de Origem

LagoaLagos
BrancoTintoBrancoTinto
Arinto (*)
Manteúdo
Mosacatel-Gráudo
Perrum
Rabo-de-Ovelha
Síria (*)
Alicante-Bouschet
Aragonez
Cabernet-Sauvignon
Castelão
Monvedro
Moreto
Negra-Mole (*)
Syrah
Touriga-Fanca
Touriga-Nacional
Trincadeira (*)
Arinto (*)
Malvasia Fina (*)
Manteúdo
Moscatel-Graúdo
Perrum
Síria (*)
Alicante-Bouschet
Aragonez
Cabernet-Sauvignon
Castelão (*)
Monvedro
Negra-Mole (*)
Syrah
Touriga-Nacional
Trincadeira (*)
PortimãoTavira
BrancoTintoBrancoTinto
Arinto (*)
Manteúdo
Mosacatel-gráudo
Perrum
Rabo-de-Ovelha
Síria (*)
Alicante-Bouschet
Aragonez
Cabernet-Sauvignon
Castelão (*)
Monvedro
Negra-Mole (*)
Syrah
Touriga-Nacional
Trincadeira (*)
Arinto (*)
Diagalves
Manteúdo
Mosacatel-gráudo
Síria (*)
Tamarez
Alicante-Bouschet
Aragonez
Cabernet-Sauvignon
Castelão (*)
Negra-Mole (*)
Syrah
Touriga-Nacional
Trincadeira (*)


(*) Castas que devem, em conjunto ou separadamente, representar um mínimo de 70% do encepamento.